!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

9.7.16

Porque deves começar escrever num diário


(Informação: A partir de agora todos os comentários são moderados, para eu garantir que os leio a todos. Não se preocupem, todos serão aceites na mesma, a não ser que sejam ofensivos ou agressivos.)

Sou da opinião que não devemos guardar os nossos sentimentos, medos e frustrações só para nós, porque nós somos como uma panela de pressão, mais cedo ou mais vamos explodir. Mas, por outro lado, também não devemos partilhar tudo com toda a gente porque, além de as chatearmos, podemos destruir relações. Por isso, a minha solução para este problema é manter um diário.

Sempre escrevi diários desde os meus 8 anos, embora nunca os tenho atualizado com muita regularidade. Escrevia apenas quando sentia vontade para tal. Hoje em dia, mantenho um diário em forma digital, escrevo em ficheiros word e depois meto uma palavra-passe nos mesmos. Deste modo, garanto que ninguém lê o meu diário ( mas confesso que tem mais piada escrever em papel, mas tem que ser, por questões de segurança e privacidade).

Toda a gente associa um diário a uma coisa que só raparigas até aos 13 anos é que escrevem, o que é completamente errado! Escrever um diário, mesmo na idade adulta, pode ter muitos benefícios, alguns dos quais eu vou enumerar a seguir.


1. Ajuda a "limpar" a tua mente: Sabes aquele momento em que tens a cabeça "a mil à hora". parece que tens a cabeça a rebentar de pensamentos, e de repente os problemas parecem ser maiores do que realmente são? Pois, muitas vezes, estás a " fazer uma tempestade num copo de água", e escrever num diário ajuda-te a esclarecer isso. Escrever esses problemas ajuda-te a perceber que, afinal, estes não são assim tão grandes , e que a solução é mais fácil do que aquilo que tu pensavas.

2. Ajuda-te a observar e explorar os teus sentimentos: Já alguma vez estiveste de mau humor e chateada com toda a gente, sem saber porquê? Escrever num diário também te ajuda a perceber a origem desses sentimentos, o verdadeiro motivo pelo qual estás chateada ou triste. Muitas vezes, pensamos estar chateados com uma pessoa quando, na verdade, estávamos apenas triste com determinada situação e descarregámos na primeira pessoa que apareceu.

3. Documentar a tua vida: Há certos momentos que nos marcam, que fazem aquilo que somos hoje, por isso é bastante giro revivé-los através daquilo que escrevemos na altura. O diário também pode servir como registo das nossas batalhas, progressos, de todos os passos que demos para chegar onde estamos hoje.

4. Podes partilhar os teus sonhos mais loucos: Todos nós temos sonhos malucos, do tipo largar tudo e viajar durante um ano, ou escrever um best-seller, mas que se partilhássemos com outros pessoas, elas provavelmente achariam ridículo. Assim, o diário é o sítio ideal para dar largas à imaginação e escrever todos aqueles sonhos que nos parecem impossíveis de realizar mas, quem sabe, até podem ser realizados.

5. Praticas a tua escrita: Se conseguires escrever no teu diário todos os dias ( eu não consigo, tenho um blog para atualizar), até pode ser uma mais valia para a tua escrita, porque irás praticá-la todos os dias. Mesmo que não consigas escrever com regularidade, passado uns meses vais olhar para as páginas anteriores e poderás ver o quanto a tua escrita evoluiu.

6. Escrever listas: Como eu adoro listas, também uso o diário para esse efeito. Podes escrever uma wishlist, uma bucket list, 10 pessoas que são importantes na tua vida, os lugares que queres visitar, os teus objetivos...

7. Estimula a tua criatividade: Como já deves ter percebido, podes utilizar o teu diário para o que quiseres, as possibilidades são infinitas, e o facto de escreveres regularmente pode estimular a tua criatividade e tornar-te até numa pessoa mais criativa.


E vocês? Costumam escrever num diário?

26 comentários:

  1. Deixei de escrever no diário há muito tempo. Não tenho pachorra para pegar numa caneta e escrever com uma letra feia e desajeitada. Prefiro mesmo no PC.

    Bjs
    http://amacadamafalda.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podes sempre escrever um diário no PC, no Word, como eu faço :).

      Eliminar
  2. Ainda tenho diários que se usavam à 15/20 anos atrás! Não estão escritos, mas ainda os tenho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério? Devem ser mesmo giros :). Eu tenho dois de quando era mais nova, um saiu numa revista e outro comprei numa loja de brinquedos.

      Eliminar
  3. Não posso chamar de diário, quer dizer... Até é, mas prefiro chamar-lhe "smashbook". Colo tudo e mais alguma coisa para além de escrever nele. ^^

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa também é uma ideia muito engraçada, qualquer dia vou fazer algo assim :).

      Eliminar
  4. Já cheguei a ter um diário quando era mais nova, mas uma vez o meu irmão agarrou-o e começou a lê-lo e a partir daí desisti ahahaha.
    Gostei muito do teu blog, comecei a seguir-te <3
    Beijinhos!

    Ocean Scent

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendo a sensação, a mim foi a minha mãe que o leu. Podes escrever em formato digital , em Word como eu, assim ninguém lê :)
      Obrigada :).

      Eliminar
  5. Nunca tive muita paciencia para diários. Lembro-me que quando era pequena cheguei a comprar alguns e escrevia uma semana ou duas no máximo e arrumava-os porque achava um bocado parvo estar a escrever para ninguém ler. Hoje já não penso assim, escrevo muita coisa que é só para mim, mas não diários.
    Talvez um dia... quando me reformar!! eheheheheh É que até lá duvido que tenha tempo para isso.

    Beijinho.
    Lilium
    O Meu Dolce Far Niente
    Facebook

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se escreves só para ti, acho que vai dar ao mesmo :)
      Eu gosto de escrever para desabafar de coisas que não posso partilhar nem no blog nem com pessoas, mas não o faço todos os dias, é só quando tenho vontade.

      Eliminar
  6. Acho que nunca acabei um diário. Sempre que me ofereciam algum eu escrevia uma ou duas vezes e nunca mais pegava naquilo. Hoje em dia, prefiro escrever as minhas opiniões no blog mas, quando se trata de algo mais pessoal que preciso de "deitar para fora" escrevo no word. Mesmo que depois não guarde o documento, sinto que escrever naquele momento me alivia :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também nunca acabei um diário.
      É, o Word acaba por ir dar ao mesmo, o que importa mesmo é isso, "deitar cá para fora" as coisas.

      Eliminar
  7. Não podia estar mais de acordo com o que escreveste! Eu em tempos escrevia e sentia-me muito melhor que agora! Mas tenho sempre um bloquinho que aponto sempre algumas coisas !
    Irei seguir :)
    with love, KATE ❤

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também tenho um bloquinho, mas é para fazer listas de compras :).

      Eliminar
  8. Costumo fazer isto mas faço-o apenas em frases, quero dizer, escrevo quotes :)
    Beijinhos,
    An Aesthetic Alien | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu quero fazer isso, quero comprar dois cadernos, um para escrever frases de filmes/livros e outro para frases motivacionais :).

      Eliminar
  9. adoroooo diários, sempre gostei imenso de escrever e depois ler e rever os meus dias e pensamentos! agora raramente escrevo no meu diário em papel, especialmente desde que descobri que a minha mãe lia tudo -.- mas segui a tua ideia e comecei a escrever em word, com palavra passe, assim, apesar de ser menos pessoal, é mais rápido e relativamente mais seguro.
    beijinhos, Noelle :) http://supergirlinconverse.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso que gosto mais nos diários, poder voltar a atrás e ler todos os pensamentos que já tive e que registei.
      É, é menos pessoal escrever no PC, mas é mais seguro :).

      Eliminar
  10. Quando era mais nova tive imensos diários mas nunca os escrevi até ao fim até porque tinha imenso receio que os descobrissem e o lêem-se tanto que acabei por os destruir a todos mas acho que ter um diário onde escrevamos regular-me é algo fantástico sobretudo porque acredito que no futuro serão otimas recordações!

    Beijinhos, Hellen
    http://instantesimprovaveis.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A minha mãe leu-os, mas não cheguei a destruir os meus, até porque foram escritos nos meus 10 anos e não têm escrito nada de escandaloso, só uns amores normais da idade.

      Eliminar
  11. Mantenho essa prática do diário há muitos e muitos anos... E sempre me soube bem ter um local aonde pudesse depositar os meus mais profundos pensamentos, vestir o meu lado poeta e deixar a caneta falar por mim (sim, eu sempre escrevi à mão e mesmo sabendo da existência das palavra-passe nos pcs, nunca fui com a possibilidade de ter um diário digital). Ainda hoje, por exemplo, após meses sem o fazer, tive de amarrar no meu querido e escrever o que me estava engasgado. Mesmo que fale em voz alta o que sinto para mim mesma, nunca se mostra o suficiente. Depois de ter escrito, senti-me ainda mais aliviada! E quando releio as coisas do passado, acabo sempre por aprender comigo mesmo, relembrando-me de certos objetivos que havia deixado para trás, retomando-os!

    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também escrevo num diário há muitos anos, mas acabei por optar escrever um digital por ser mais seguro e ter mais privacidade ( embora goste mais de escrever em papel, mas são opções).
      Eu sou como tu, quando tenho algo engasgado só escrever é que me alivia, não adianta pensar ou falar alto.
      Pois é, eu gosto de reler passagens antigas do meu diário para ver o quanto eu evoluí e para aprender com os meus erros :).

      Eliminar
  12. Concordo contigo! Há anos que escrevo um diário. Agora em formato digital e deixo transparecer algumas coisas pelo blogue. (:

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um blogue acaba por nos expor sempre mais do que se não o tivéssemos, mas isso não é necessariamente mau :).

      Eliminar
  13. Chegaram-me a oferecer vários diários, mas só escrevi num. E foi um pouco o início do que tenho agora: só escrevia quando ia de férias para algum sítio e contava como tinha sido. Hoje em dia tenho vários cadernos onde escrevo as minhas viagens, com informações sobre tudo e mais alguma coisa (a história do local, o que vi, o que achei), e colo os bilhetes todos (de avião, de entradas em museus, etc etc). Posso chamar Diário de Viagem, se calhar, e é das coisas que mais gosto de escrever. Não é, de todo, só para mim. Qualquer pessoa pode pegar e ler :) Nunca fui de escrever coisas pessoais que não quero que outras pessoas leiam. Tudo o que escrevo, pode ser lido por quem apanhar os cadernos, sem nenhum problema.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho essa ideia de um diário de viagens bastante interessante :). É algo que nunca fiz, nem na minha viagem a Londres, e gostava de ter feito, porque aprende-se tanto em cada viagem. Obrigada pela ideia :).

      Eliminar