!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

23.7.17

10 dicas para usar as redes sociais ( se fossem dadas pelos maus utilizadores)


As redes sociais revolucionaram a forma como comunicámos, permitindo-nos manter o contacto com pessoas que, noutros tempos, não seria possível contactar. Além disto, as redes sociais também nos permitiram manter-nos a par das notícias e consultá-las de forma mais rápida.

As redes sociais, sem dúvida, que têm imensas vantagens, mas também têm muitas desvantagens e perigos, pelo que é preciso saber utilizá-las da maneira certa. Contudo, há pessoas que não percebem isso, e tem atitudes muito irresponsáveis neste meio virtual. Se lhes fosse dada a oportunidade de darem dicas, certamente dariam estas dicas ridículas.


1. Conta todos os detalhes da tua vida: Porque é que acabaste a tua relação? O que é que fazes? O que fazem os teus pais? Não deixes nenhum detalhe de fora, certifica-te que os teus seguidores sabem de tudo.

2. Partilha todos os detalhes da tua relação amorosa: Publica imensas fotos do teu namorado/a várias vezes ao dia, diz onde estão, o que é que comeram, se tiverem uma discussão publica no Facebook... Mas, mais importante, se alguma vez acabarem não te esqueças de eliminar todas as fotos, que é para as pessoas perceberem imediatamente que acabaram.

3. Diz sempre exatamente onde te localizas: De preferência, usa até o GPS do teu telemóvel, para os teus seguidores poderem te encontrar facilmente.

4. Nunca duvides que uma notícia é verdadeira: Se está na net é porque é verdadeira. Nenhum site publica informação falsa, por isso não precisas de confirmar factos.

5. Pede continuamente que te sigam: De preferência, de hora a hora. Há que recrutar seguidores!

6. Não te esqueças de reclamar se alguém deixa de te seguir: Hoje em dia, as pessoas não sabem o que é lealdade. Seguem e deixam de seguir quando lhes apetece. Anuncia publicamente, reclama com esses traidores! Denuncia a conta deles se for preciso!

7. Publica 5 selfies por dia ( ou mais): Se tirar selfies não fosse importante, os telemóveis não viriam com câmara frontal. Publicar selfies é essencial para o teu sucesso. Pontos extra se tirares em frente ao espelho a fazer bico de pato e a tentar mostrar o rabo.

8. Faz comentários de ódio pela Internet fora: Insulta as mulheres, chama hipócritas aos teus concorrentes das redes sociais, deixa comentários de ódio em todas as páginas como o Jornal de Notícias... Mostra que só tu é que sabes e que os outros são todos uma cambada de estúpidos.

9. Convida as pessoas para jogarem os jogos que jogas nas redes sociais: Enche-as de notificações até elas se fartarem e renderem-se também aos teus jogos favoritos.

10. Ignora os teus verdadeiros amigos: Quem quer saber dos amigos que estão ao nosso lado, quando temos 16289320 seguidores para entreter?


22.7.17

5 zonas do corpo onde nos esquecemos de aplicar protetor solar

 5 zonas do corpo onde nos esquecemos de aplicar protetor solar

O cancro da pele é um dos cancros mais frequentes. A maior parte dos casos seriam evitados se não nos expuséssemos ao sol a más horas ( das 12 h às 16 h) e, sobretudo, se usássemos protetor solar.

Muitos julgam estar a tomar todas as medidas necessárias para se protegerem do sol, e julgam que o protetor solar os está a proteger de problemas futuros, mas esquecem-se de o aplicar em zonas pequenas, aparentemente insignificantes, mas que podem ser suficientes para desencadear cancro.


1. Orelhas: É um sítio que eu me esquecia  frequentemente, até me aperceber que estava sempre a sair da praia com estas queimadas. A verdade é que este é, provavelmente, o sítio em que a maior parte das pessoas se esquece de meter creme. Metemos na cara, nas bochechas, testa e nariz, mas esta zona passa-nos completamente ao lado. De acordo com estudo, as orelhas são o terceiro lugar onde aparecem mais carcionomas, pelo que devemos aplicar sempre protetor solar.

2. Couro cabeludo: Até podes nem dar por isso, mas o nosso cabelo também queima com o sol. Para o protegeres, usa sempre um chapéu e aplica protetores solares próprios para o couro cabeludo.

3. Pálpebras: Nunca ninguém se lembra desta zona. Por algum motivo misterioso, achámos que a nossa pele junto aos olhos está imune, quando é precisamente o contrário. Na verdade, esta é mais sensível do que qualquer parte do corpo, pelo que não nos devemos esquecer desta e, se possível, usar óculos de sol com protecção UV.

4. Peito dos pés: É uma zona que é também frequentemente esquecida, e que apanha muito sol. Uma vez apanhei uma queimadura nesta zona, e nos dias seguintes era doloroso usar qualquer tipo de calçado.

5. Dobra do joelhos: É uma zona que ninguém vê mas que, quando se apanha um escaldão, não deixa ninguém andar ou sentar em condições.


E vocês? Lembram-se destas zonas na hora de pôr protetor solar?

21.7.17

5 erros que cometes com posts em lista


Após ter falado dos benefícios dos posts em lista para os blogs, e de ter escrito também um post em lista sobre como escrever um post em lista ( ironia de estar a escrever sobre algo que se está a fazer), vamos falar sobre os erros que se cometem ao escrever neste formato.

Pois é, ao contrário daquilo que parece, escrever posts em lista não é assim tão fácil, e podem-se cometer muitos erros. Aqui estão alguns erros que eu própria já cometi, e que muitos bloggers cometem.


1. Falta de pesquisa e/ou de informação: Um bom post em lista tem que conter informação ou conteúdo relevante sobre algo e, sobretudo, uma boa pesquisa. Se, por exemplo, fizeres um post sobre os tipos de base, mas só falares de dois tipos, mostra que não pesquisaste o suficiente sobre o assunto.

2. O post tem demasiados tópicos: Idealmente, o teu post em lista deve conter, no máximo, 15 tópicos. Mais do que isso já se torna um post demasiado longo, o que vai fazer com que os teus leitores se cansem de ler tantas palavras e percam interesse no teu post.

3. O teu conteúdo não é original o suficiente: O problema dos posts em lista é que, se fazes um post demasiado genérico, é muito provável que um blog com mais visibilidade já tenha feito algo semelhante, fazendo com que o teu post se torne irrelevante. É este o grande desafio de fazer posts em lista. Tal como qualquer outro post, é preciso ser-se original e tentar criar conteúdo o mais único e genuíno possível.

4. Existe incoerência entre o número de tópicos no título e no texto: Considero-me guilty, já fiz isto uma vez, e só reparei neste erro ( grave) quando alguém nos comentários me chamou a atenção para isso. Se tu escreves no título " 10 coisas...", mas acabas por escrever 12, nunca te esqueças de alterar o número, caso contrário, estarás a ser incoerente e os teus leitores estarão a ler mais do que aquilo que contavam. Um bom truque para evitar que isto aconteça é escreveres primeiro tudo aquilo que tens para escrever, e só depois colocar o número no título.

5. O post tem muitos links nele: Os posts em lista são muito bons para partilhares os links de outros posts com assuntos semelhantes aos tópicos que abordas. Mas, cuidado, demasiados links podem aborrecer as pessoas pelo excesso de " publicidade" ao teu próprio blog, além de fazer com que fiques pior posicionado nos motores de pesquisa do Google, por ficarem demasiado " confundidos" com tantos links ( eu sei que não é este o termo, mas eu não sou informática, não percebo nada disso).


E vocês? Já cometeram algum destes erros?

20.7.17

10 sinais que és como a Hermione de " Harry Potter"


Enquanto estou a ler uma das famosas sagas de sempre ( sim, só estou a ler agora, shame on me!),  dou por mim a pensar que sou como a Hermione de " Harry Potter". Já fui mais parecida, uma vez que, quando era mais nova, era obcecada com a escola e em ter boas notas. Passava horas e horas a fio a estudar, recusando saídas e qualquer atividade de tempos livres. Agora já sou mais descontraída nesse aspeto, já consigo relaxar e ter uma vida social, ao mesmo tempo que estudo e continuo a ter uma vida social.

A famosa saga "Harry Potter" já acabou, mas todos nós temos um bocadinho desta nos nossos corações. E talvez até na nossa personalidade. Aqui estão 10 sinais que revelam se és ou não uma Hermione.


1. Tu sabes o que estás a fazer, mesmo quando não sabes o que estás a fazer: Tal como a Hermione, pensas rápido. Consegues prever acontecimentos e improvisar quando necessário. Os teus amigos podem sempre contar contigo para os salvar de sarilhos ou de situações inesperadas.

2. Normalmente está certa sobre tudo e ficas muito satisfeita ao garantir que toda a gente o sabe: "Eu disse-te que era má ideia desobedeceres às regras".

3. Sabes sempre as respostas de todas as perguntas que os professores fazem: Estás sempre de braços no ar nas aulas. Sabes sempre responder a tudo, parece que engoliste os livros todos da biblioteca da tua escola.

4. Tens necessidade de corrigir tudo e todos: Com tanto conhecimento na tua cabeça, tu não te consegues conter e tens que deitar cá para fora. Estás sempre a corrigir tudo e todos, principalmente quando se trata de erros gramaticais/ortográficos. " It´s Leviosa, not Leviosar" ( desculpem, mas eu tinha que referir esta famosa frase xD).

5. Não suportas ser mediana em nada: Estás habituada a ser excelente em tudo ao longo da tua vida que, quando finalmente te deparas com algo em que não és tão boa, és apenas mediana, não suportas isso. Fazes de tudo para te tornares boa no que quer que te esteja a causar dificuldades.

6. Tu sabes sempre dar bons conselhos: Muitas amigos vêm muitas vezes ter contigo para ouvir a tua opinião sincera sobre algo, sem se sentirem julgados ou rebaixados. Sabes sempre dar a tua opinião sincera mas, sobretudo motivar os teus amigos a serem melhores e mais felizes.

7. Tu gostas de livros (quase) mais do que pessoas: Adoras ler livros. Nos teus tempos livres, estás sempre enfiada na biblioteca. Aproveitas todos os minutos livres para ler. Andas sempre com, pelo menos, um livro no saco, e ficas bastante revoltada quando alguém te diz que não gosta de ler.

8. Não és muito boa a esconder os teus sentimentos: Por isso, se não gostas de algo ou de alguém, vai-se saber, ou porque tu o dizes diretamente, ou porque tu o deixas transparecer na tua cara.

9. Às vezes, podes intimidar as pessoas: As pessoas não gostam de sabichões porque, na verdade, têm receio deles, receio daquilo que sabem e do poder que têm, pelo que se mantêm afastadas.

10. Sabes que a inteligência não é nada sem coragem: Até a pessoa mais sábia do mundo , sem coragem, não chega a lado nenhum,  a sua inteligência é inútil. Usar a nossa inteligência para lutar pelos nossos sonhos e ideias e, eventualmente, inspirar alguém, requer muita coragem, mas só assim é que os nossos talentos valem a pena.


E vocês? São parecidas com a Hermione?

19.7.17

10 sinais que és a mãe do teu grupo de amigos


Quando chegas à universidade, estás sozinho/a. É tudo muito assustador. Novos colegas, novo ambiente, uma casa que ainda não sabes gerir, cadeiras até mais não, e tantos professores que nem chegas a decorar o nome deles. Mas, principalmente, estás numa cidade nova, sem ninguém para te guiar. Achas que estarás sempre sozinho/a, mas enganas-te. Ganhas uma nova mãe, não aquela que te deu à luz, mas uma adotiva, que te acolhe de braços abertos. Esta tem te guiado desde então, por entre festas, exames, dramas amorosos e muito mais. O seu amor e preoucupação quase se compara àquele que recebes de uma cota que deixaste em casa, a tua verdadeira mãe.

Aqui estão 10 sinais que revelam se és a mãe do teu grupo de amigos?


1. Tens sempre razão: Tens sempre o melhor conselho a dar, sabes sempre o que dizer e, sobretudo, tens sempre razão ( "eu disse-te que aquele gajo te ia trocar por outra!").

2. Nas saídas noturnas, és sempre a motorista de serviço: Quando sais à noite, nunca bebes, porque és a boleia de toda a gente.

3. És tu que tentas controlar os teus amigos bêbedos às 4 h da manhã: Quem manda aqui agora sou eu!

4. E também és tu que seguras o cabelo: Alguém tem que estar lá para certificar-se que as amigas não estragam o cabelo todo enquanto tentam expulsar o álcool.

5. Não consegues dormir enquanto não receberes uma sms a saber onde estão os teus amigos todos: Onde é que estão as minhas crianças indefesas a esta hora da noite?

6. Quando recebes amigos em casa, tens necessidade de limpar a casa toda: Tem que estar tudo no sítio e a brilhar.

7. Preferes ficar em casa a ler um livro e a beber chá do que sair à noite: Já sou demasiado velha para sair numa sexta-feira à noite.

8. Tu encorajas boas decisões: Meninos, bebam com moderação, caso fiquem de ressaca tomem aspirina e bebam muita água, usem preservativos, não faltem às aulas, estudem,...

9. Os teus passatempos favoritos incluem limpar e organizar: Quem disse que arrumar a casa não é divertido?

10. Os teus amigos chamam-te mãe: " Ok mãe, já sei que não vou beber muito". Eu sou estou a tentar ajudar, ok?


E vocês? Identificaram-se com algum destes sinais?

18.7.17

10 razões para adorares as tuas mamas pequenas


Tenho mamas pequenas, mas não sinto vergonha por isso, na verdade, adoro-as. Uso a copa B, o que é menos do que grande parte das mulheres e, se antes me sentia envergonhada por isso, agora até acho que tem as suas vantagens.

Ao ler este post da Carolina, refleti um pouco sobre essas vantagens. Embora o texto fosse sobre adorarmo-nos a nós próprias, quer tenhamos mamas grandes ou pequenas ( o que apoio totalmente!), permitiu-me refletir sobre os aspetos positivos de termos mamas pequenas.


1. As pessoas olham-te sempre nos olhos:  Sem estar aqui a querer insultar ninguém, uma das coisas que me incomoda nas mulheres com o peito grande é que tu não consegues desviar o olhar das mamas delas. Nota-se sempre imenso! E isto acontece mesmo em nós, mulheres, então com os homens nem se fala! No entanto, quando tens mamas pequenas, a atenção das pessoas vai imediatamente para a tua cara e para aquilo que estás a dizer. Conseguimos captar a atenção das pessoas, porque elas estão a olhar diretamente para nós.

2. Não tens dores: As minhas amigas com um peito grande passam a vida a queixar-se da dor e desconforto que sentem. Sentem, frequentemente, dores nas costas, e sentem que estão constantemente a transportar um grande peso.

3. Podes escolher não usar soutien num look: Existem certos tops e vestidos que não ficam lá muito bem se estiveres a usar soutien. Ninguém gosta de estar a ver partes deste ou alças à mostra. Para raparigas com mamas grandes, andar sem soutien pode ser um grande drama, mas quem tem mamas pequenas não tem o menor problema em andar sem este, pelo que é uma grande vantagem na hora de usar peças de roupa mais arrojadas.

4. Podes dormir na posição que quiseres: Consegues dormir em qualquer posição, mesmo de barriga para baixo, sem sentir dor ou desconforto.

5. Fazer exercício físico não é um esforço a dobrar: Nenhum exercício físico, nem mesmo correr, é um sacrifício para ti, uma vez que as tuas mamas não têm tamanho suficiente para andarem aí aos saltos enquanto te movimentas.

6. Comprar lingerie e biquínis não é um desafio para ti: Ao contrário das mulheres com peito grande, comprar lingerie e/ou biquínis não é difícil para ti, uma vez que tudo te serve, e não tens que estar preocupada se te tapam ou suportam as mamas.

7. Tens uma melhor postura: Se tens mamas pequenas, é muito mais fácil manter uma postura apropriada. E uma postura apropriada é sempre bonita e elegante.

8. As mulheres não te pedem para estar a tocá-las o tempo todo: Se tens mamas grandes e entras num balneário cheio de mulheres, prepara-te para seres sujeita a um exame médico! As mulheres adoram apalpar as mamas daquelas que as têm maiores, e verem se são verdadeiras. Se tens mamas pequenas, não tens esse problema, ninguém duvida que estas são verdadeiras.

9. Não estás sujeita a olhares desconfortáveis na rua: " Não há nada para ver, continuem a andar idiotas xD".

10. És mais saudável: Sabias que tens menos probabilidade de ter cancro da mama se tiveres mamas pequenas? Isto deve-se ao facto bastante simples de que é muito mais fácil e rápido fazer o exame médico.


E vocês? Quais é que acham que são as vantagens de ter mamas pequenas?

17.7.17

Novo visual do blog ( + novidades)


Surpresa! Após três dias em que blog esteve fora do ar, este volta de cara lavadinha! 

Na passada quinta-feira, o blog ficou temporariamente indisponível. Ao que parece, o meu template decidiu bater a bota, aparecendo uma série de quadrados horríveis que não me deram outra opção senão pôr o blog em privado. Parece que foi um sinal dos deuses a dizer " Cherry, está na altura de mudares esse template, não achas?" Há algum tempo que já estava a pensar mudar o design do blog, mas digamos que este percalço foi um empurrão para isso.

Quando decidi mudar o look do blog, pensei imediatamente na Lyne. Já tinha visto o design que ela tinha feito para o blog A Dupla Face da Joana, pelo que o seu (enorme) talento já estava mais que comprovado. Decidi falar então com ela e pedir-lhe ajuda. Ela prontificou-se imediatamente a fazer o novo design do meu blog, e eu lá lhe mandei aquilo que pretendia. O resultado final não só correspondeu às minhas expetativas, como superou-as. A Lyne compreendeu perfeitamente a minha visão, e melhorou-a, tornou-a em algo que eu não poderia imaginar, que só uma pessoa com o olhar artístico dela poderia criar. A ela tenho que lhe dar um grande OBRIGADA por ter gasto muito do seu tempo não só a  fazer este lindo design, como também a ajudar -me com pequenos pormenores e a esclarecer as minhas dúvidas, tudo  sem pedir nada em troca. Acreditem no que vos digo, a rapariga tem mesmo muito talento!

Decidi mudar o design deste blog para um verde mais azulado, e com um ar mais clean. Já não me identificava, de todo, com o rosa que predominava do template anterior. Queria algo um pouco mais adulto, mais apropriado a uma rapariga de 20 anos mas, ao mesmo tempo, que continuasse a ter um ar jovem e divertido. 

Falando em novidades. Já olharam para o lado direito, para a nova foto de perfil? Se estão a questionar-se sim, sou mesmo eu, não é nenhuma foto tirada da net. Para já, não pretendo sair do anonimato ( não por falta de insegurança, porque não tenho vergonha de ser quem sou, mas por outras razões pessoais, que envolvem outras pessoas). Porém, numa tentativa de animar um pouco os leitores que tanto me pediram para sair do anonimato, aqui vai um pedacinho maior de mim e, pela primeira vez, não precisam de me imaginar totalmente, porque já conseguem ter uma noção maior da minha aparência. Fica aqui prometido que, daqui a uns tempos ( mais cedo do que possam pensar), eu darei mesmo a cara pelo blog. Para já, podem já considerar que estou numa espécie de semi-anonimato.

Outras das novidades é um novo texto da página " Sobre". O outro já estava um pouco desatualizado ( já o tinha escrito há dois anos), pelo que decidi voltar a fazer um. Sinto que este me descreve melhor, bem como este cantinho que tem crescido tanto.

Por fim, a última grande novidade é uma nova rubrica mensal. Contudo, não vou revelar já do que se trata. Digo-vos só que vai ser algo muito giro, e que tem a ver com a blogosfera. Conseguem adivinhar o que é? Os posts da rubrica sairão sempre no primeiro sábado de cada mês, a partir de agosto.

Novos posts continuarão a aparecer na vossa lista de leituras, e eu continuarei aqui para vos receber.


O que acharam do novo visual do blog?

Atenção: Reparei que em alguns computadores não aparecem os negritos dos  tópicos dos posts em listas, mas pode ser só um problema daqui da net da minha casa. Se mais alguém tiver este problema que me avise.