!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

23.1.16

O que esperar do Dia de Defesa Nacional.


Hoje vou falar-vos do Dia de Defesa Nacional, o que podem esperar deste e o que é que acontece exatamente. Quem me segue no Twitter sabe que fui a este dia nesta quarta-feira. Muita gente pediu-me para falar sobre o Dia de Defesa Nacional e o que esperar deste, portanto decidi escrever este post. Eu sei que já  fiquei de escrever este post há dois dias, mas tenho andado com tanto trabalho para fazer, que só deu para publicar hoje.

Antes de mais, peço desculpa pelo post longo, mas quero-vos dar todas as informações possíveis acerca deste dia. Quando estava à procura de informações sobre este dia, notei que nenhum site explicava exatamente quais as atividades que iria fazer e o que iria ouvir, por isso decidi escrever sobre este assunto.

Bem, eu achava que o dia de Defesa Nacional ia ser uma seca, que ia ser só propaganda militar, como nas feiras das profissões do secundário do tipo " venham todos para a tropa que estamos com falta de gente". Antes de ir a este dia, já estava a planear fazer um post sobre isto e, quando o estruturava  na minha cabeça, estava a planear pôr o título " Dia de Defesa Nacional ou Dia de Tédio Nacional?". É para verem as expectativas que eu tinha para este dia ( más como podem ver).  No entanto, depois de ter vivido este dia, a minha opinião mudou. Acho que foi muito interessante, até gostei.

No início, quando lá chegamos, os militares disseram-nos logo que sabiam que estávamos ali por causa da lei obrigar todos os jovens de 18 anos a cumprirem este dever militar, que não estavam a tentar convencer ninguém a ir para a tropa, que a única coisa que pediam era respeito e bom comportamento ( e foi triste observar que alguns jovens não respeitaram este pedido, mas não falemos nisso).

Achei que os militares iam ser bastante rígidos connosco, mas não foram: criaram um ambiente bastante descontraído, foram simpáticos connosco, a maior parte deles até tinha bom sentido de humor (ainda demos bastante risadas)... Estava à espera que fossem mauzinhos connosco, mas não, foram bastante simpáticos.

Bem, já conseguiram ter uma ideia geral de como foi o meu dia. Agora, vou escrever mais detalhadamente sobre o que é o Dia de Defesa Nacional e o que acontece exatamente neste dia.



O  que é que é o Dia de Defesa Nacional?

Como podem ler no site da Direção-Geral de Recursos da Defesa Nacional ( onde também podem consultar o dia em que têm que ir), a comparência ao Dia da Defesa Nacional é um dever militar obrigatório para todos os cidadãos portugueses, de ambos os sexos, que tenham completado 18 anos.


Atividades desenvolvidas durante o Dia de Defesa Nacional

As atividades podem variar um bocadinho de cidade para cidade mas, em geral, consistirá no mesmo.

No início do DDN ( permitem-me que use esta sigla? É um pouco cansativo para os leitores ler sempre o mesmo...),  quando chegam ao centro ou núcleo de divulgação do Dia de Defesa Nacional, a primeira coisa que vos pedem é o BI e a carta de convocatória do DDN , caso a tenham recebido ( a carta só serve para confirmar a morada, o que é estúpido, porque se recebemos a carta é porque a morada está certa). A seguir , é-vos atríbuida uma letra (A, B ou C) e vão para a sala dessa letra ( é um computador que vos atribui aleatoriamente uma letra, eu fui com três amigos e fomos separados pelas três salas, que crueldade). Nessa sala, vão assitir a várias palestras, sobre os seguintes assuntos:

  • O que é o Dia de  Defesa Nacional? ( aqui perguntam-vos o que sabem acerca do mesmo e  explicavam-vos o que vão fazer durante o dia, basicamente a programação do mesmo)
  • A forma de organização dos três ramos das Forças Armadas (Marinha, Exército e Força Aérea) ( Se seguisse a carreira militar, escolheria a Força Aérea, é o ramo que mais fixe na minha opinião).
  • As principais ameaças e riscos à sociedade portuguesa ( aqui vão ouvir psicólogos a falar sobre vícios , comportamentos obsessivos e segurança na Internet, vem a GNR falar sobre a sua função, fala-se também no terrorismo...).
Estas palestras estão distribuídas pela manhã e pela tarde, porque fazer tudo seguido seria muito cansativo. No dia em que eu fui, tive palestras de manhã sobre os dois primeiros pontos, e palestras de tarde sobre o último ponto.

Entre as palestras, têm a oportunidade de fazer coisas mais práticas, tais como ver algum equipamento militar (mochilas, colete anti-balas,...) e algumas armas (descarregadas obviamente, senão andava tudo aos tiros e eu não estaria aqui para contar a história) . Eu peguei numa pistola e numa G3). No meu dia, eu cheguei ainda a fazer uma atividade super gira: andar num tanque . Eu acho que aquilo não  era bem um tanque, mas era parecido. Fomos 7 de cada vez dentro de um, puseram-nos capacetes e lá demos umas voltas. Foi bastante fixe!

O almoço lá é grátis, mas como diz o ditado " quando a oferta é muita até o pobre desconfia": muito sinceramente, a comida de lá não presta. Eu  comi arroz frio e que se colava ao céu da boca, só se aproveitou o frango. Levem umas bolacinhas de casa senão passam fome.

No final do dia, pedem para fazerem vários inquéritos em tablets: um é para testar os vossos conhecimentos sobre segurança na Internet , e outros para vos perguntarem se usam drogas, se bebem álcool, se passam muito tempo na net,... Tem ainda que fazer  um inquérito sobre a vossa opinião sobre o Dia da Defesa Nacional: quais os ramos que vos atraíram mais, se estariam interessados em passar uma semana lá, o que acharam das pessoas que vos receberam, o que acharam da qualidade da comuda da cantina ( eu nesta pergunta pus a opção péssima, ahah, tive que ser sincera).... Todos os inquéritos que fazem são anónimos, por isso podem ser sinceros à vontade ( sim, podem dizer que a comida da cantina não presta, que eles não vão a casa matar-vos).

A última atividade do dia é a cerimónia do hastear da bandeira nacional.


A minha opinião sobre o DDN e o que achei do meu

Antes de ter ido ao dia da Defesa Nacional, achava estúpido obrigarem-nos a ir, afinal estamos no século XXI e somos pessoas livres de fazer o que quisermos, e achei que ao obrigarem -me a ir a este dia  estavam a interferir com a minha liberdade e livre-arbítrio. No entanto, depois de ter conhecido estas pessoas espetaculares, acho que não custa nada perder um dia da nossa vida para ver o que estes profissionais andam a fazer pela defesa nosso país. Afinal, são os militares que defendem o nosso país e que participam também nas mais diversas ações humanitárias. e muitas vezes a sociedade não lhes dá o devido valor.

Agora, depois de ido ao DDN, percebo qual a finalidade de existir um dia assim: é preciso sensibilizar os jovens para o facto de que nós não somos apenas um aglomerado de pessoas a viver num mesmo território, somos uma nação que tem de conservar os seus costumes  e tradições, e que tem que lutar como um só para manter a paz.

Mesmo que não queiramos seguir uma carreira militar, devemos ter pelo menos consciência de como funciona a defesa do nosso país e quais os orgãos que a constituem.

Fazendo um balanço geral do meu dia, acho que foi bastante positivo, pois tive a oportunidade de mudar a minha visão sobre o que é ser-se um militar, e basicamente por tudo o que já referi acima. Gostei muito das pessoas que me receberam, foram simpáticas, prestáveis e criaram um ambiente descontraído, no qual foi possível criar-se alguns debates sobre questões importantes. Adorei as atividades mais práticas ( quando é que eu iria ter oportunidades para pegar numa arma G3 igual às do jogo "GTA"? ).

No entanto constatei que, apesar de todo este ambiente descontraído, tudo foi extremamente organizado e planeado ao mais ínfimo pormenor: demos os nossos dados pessoais e fomos divididos em três grupos logo no início ( A, B e C), fomos distribuídos por três salas diferentes ( consoante a letra que nos foi atribuída anteriormente), tínhamos de andar sempre em fila indiana ( até na cantina), e até quando realizámos os inquéritos no tablet , tínhamos que o entregar posteriormente de capa aberta ou fechada, consoante a a bateria tivesse mais ou menos 40 % ( esta última até é bastante inteligente, assim sabe-se exatamente quais os tablets que precisam de ser carregados)... E é por este motivo que eu não daria para a tropa, pois eu sou a desorganização em pessoa.

Para concluir, gostei muito do meu dia, aprendi e diverti-me bastante, e pude encontrar-me com amigos que já não via há muito tempo.


Quais são as vossas expectativas para o Dia de Defesa Nacional ? Se já foram, o que acharam dele?

13 comentários:

  1. Muitos Parabéns, o post está excelente :) Eu quando fui adorei tudo, menos a comida hehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, muito obrigada :). A comida no meu dia era mesmo horrível, o que vale é que eu levei bolachas senão morria à fome xD.

      Eliminar
  2. Eu já fui ao dia de defesa nacional há alguns aninhos :P fui no primeiro ano que as raparigas começaram a ir.
    R: sim sou muito territorial com aquele local. Com outros onde estagiei não sou. Mas aquele é especial. Fui eu que organizou tudo, que planeou que criou tudo para consultas de nutrição serem lá realizadas. E agora ver alguém ir para lá, e se calhar aproveitar aquilo que eu fiz, custa-me um bocado. Passei lá muitos bons momentos. Até porque muita gente se admira como fui lá parar

    ResponderEliminar
  3. fiz exatamente a mesma coisa que tu! tudo ao promonenor!

    ResponderEliminar
  4. fui no ano passado, e até gostei :) e gostei da comida, foi feijoada quando fui xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nahh, eu não gostei nada da comida, e se fosse feijoada para mim ainda era pior xD

      Eliminar
  5. Olá, talvez aches este pedido um pouco estranho, mas acho que as tuas palavras me podem ajudar.
    Poderias fazer um post de como se ultrapassa o fim de um namoro? Na tua perspectiva claro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, posso fazer um post sobre isso, apesar de ter uma experiência quase nula em relacionamentos. Mas acho que podia ajudar muitas pessoas :). Obrigada pela sugestão.
      Entre hoje e amanhã publicarei então um post sobre o assunto ( ando um pouco ocupada com a faculdade, mas secalhar ainda publico hoje).

      Eliminar
  6. O teu post explica muito o dia! Já tive essa experiência e para mim foi única e muito boa! Adorei!!

    Segui-te! O design do teu blog está lindo!

    ResponderEliminar