!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

24.1.16

Como ultrapassar o fim de um namoro.


Ontem recebi um pedido um pouco  curioso de um leitor de um blog, que me pedia para escrever um post sobre como ultrapassar o fim de um namoro. Como o blog também é feito da participação e sugestões dos leitores, decidi atender o seu pedido.

Antes de começar este post, só quero avisar que a minha experiência em relacionamentos é quase nula: nunca tive um namorado, ou seja, todos os conhecimentos que eu tenho derivam da observação das outras pessoas e das experiências que tiveram em relacionamentos. Este post é apenas a minha perspetiva sobre relacionamentos e a minha opinião sobre como se deve ultrapassar o fim de um.

O final de um namoro é sempre difícil, independentemente do tempo e do contexto em que um casal esteve junto. Por vezes, a pessoa tem um tal impacto na nossa vida e o namoro foi tão intenso , que se torna bastante difícil esquecê-la. No entanto, todos nós merecemos seguir em frente, e não conseguimos seguir com as nossas vidas enquanto tivermos o nosso ex-namorado/a na cabeça.

Não existe uma receita certa nem 100 % eficaz para ultrapassar o fim de um namoro. Cada pessoa tem a sua personalidade e lida de maneira diferente com as situações. Além disso, o tempo para ultrapassar o fim de um relacionamento irá depender da duração , da intensidade do e do contexto. Volto a realçar que as dicas que eu vou dar são apenas a minha opinião sobre o assunto.


1. Não te culpabilizes pelo fim do namoro: Este é o primeiro erro que as pessoas cometem e que causa ainda mais sofrimento. Quer tenhas sido tu a acabar a relação ou a outra pessoa, não te culpabilizes pelo fim desta. As coisas aconteceram porque tiveram que acontecer. Não vale a pena pensar como teria sido se tivesses feito algo de maneira diferente, se tivesses dito alguma coisa diferente,... O namoro com essa pessoa faz parte do passado, já não podes alterar o que aconteceu, só podes alterar o que vier no futuro.

2. Faz um período de luto: Apesar de muitas pessoas defenderem  que não deves perder tempo a chorar pelo fim do namoro e que deves seguir em frente, eu não concordo. Acabar um namoro por vezes pode equivaler quase à morte de uma pessoa ( e, no fundo, o ex-namorado/a é como se tivesse morrido para ti, pois este/a saiu da tua vida). Por isso, tal como numa morte, tens direito a ter uns dias para fazer o teu luto, recordar os bons momentos que passaste com essa pessoa antes de tudo começar a correr mal,... Há psicólogos até que aconselham a que a pessoa faça uma pequena "cerimónia", para se despedir do seu/sua ex-namorado/a. Mas atenção, não prolongues o período de luto por mais de 3 dias pois, caso contrário , só vais aumentar o teu sofrimento. Nada de passar um mês na cama a chorar!

3. Elimina todos os contactos dessa pessoa: Depois de ter feito o teu período de luto ( pequeno, volto a realçar) está na altura de voltar para a realidade e começar a tomar medidas para ultrapassar o fim do namoro. E o primeiro passo é eliminar todos os contactos do teu/tua ex-namorado/a. Elimina o seu número de telemóvel, o e-mail, e bloqueia essa pessoa em todas as tuas redes sociais. Isto é para evitar que tu, num momento de fragilidade, voltes a tentar contactá-la.

4. Nada de sexo com o/a ex: Eu sei que é tentador, estás miserável, sozinho/a, já não dormes com ninguém há 3 semanas, portanto estás excitado/a... É normal, és um ser humano. Mas, por muito que te custe, não caias no erro de dormires com o teu/tua ex. Até os médicos dizem que, quando tens um orgasmo, a hormona oxitocina é libertada , o que causa uma sensação de ligação com a outra pessoa ( na verdade, eu li isto no meu livro de Anatomia). Por isso, teres sexo com o teu/tua ex só vai fazer com que tudo se torne mais confuso.

5. Deita fora todos as  fotografias e objetos que te lembrem dessa pessoa: Obviamente que não consegues esquecer uma pessoa se tiveres fotos espalhadas por toda a casa dela , e objetos/prendas que te façam recordá-la. Deita fora tudo o que te faça lembrar essa pessoa. Isto inclui também mudares a foto de fundo do teu telemóvel.


6. Nada de te isolares: Nada de passares dias a fio fechado/a em casa, na cama, a chorar e a comer tudo o que te aparecer à frente. O ponto nº 2 não é desculpa, eu disse só 3 dias de luto. Após esse período, liga aos teus amigos e combina uma saída com eles ( e deixa os planos por conta deles, eles saberão como te animar), passa mais tempo com a família,.. O importante é estares rodeado de pessoas que te amam e que se preocupam contigo.


7. Nada de músicas lamechas ou romances trágicos: A maior parte das pessoas, quando estão a passar por um fim de um namoro, pôem-se a ouvir todo o dia músicas muito lamechas e tristes sobre pessoas que perderam o seu amor, ou então põem-se a ler romances trágicos ou a ver filmes trágicos,... Nada de andar a ouvir/ler/ver coisas que te façam lembrar o sofrimento por que estás a passar... Toca a pôr uma música com um bom ritmo ou então vê um filme de comédia ( mas não de comédia romântica).


8. Não te atires imediatamente para outra relação: Outro erro (enorme) que as pessoas costumam cometer é começar a sair com outras pessoas para ver se se esquecem do relacionamento anterior, do tipo " vou sair com aquele/a gajo/a giro/a do café, para ver se me esqueço do meu/ minha ex". Não uses outras pessoas para tentar esquecer a relação anterior. O mais certo é compares a pessoa com quem estás a sair à teu/tua ex e acabes por te magoares ainda mais ( ou ferires os sentimentos da pessoa com quem estás a sair). Aproveita o tempo em que estás solteiro/a para refletires sobre os erros que cometeste na relação anterior e o que queres melhorar ( mas sem entrar em conflito com o ponto nº 1, só refletir), para te divertires um pouco e aproveitares a tua liberdade.

9. Mantêm a tua mente ocupada: Se ainda assim, depois de todos os conselhos que já dei, ainda for difícil esquecer a pessoa que amaste e encarar a realidade, o melhor que tens a fazer é ocupar a tua mente, para te não pensares nessa pessoa e esqueceres o teu sofrimento. Ocupa a tua mente com qualquer coisa, um livro, trabalho ( dizem que, por vezes, é o trabalho que nos salva), um novo passatempo... Pode ser qualquer coisa, mas tem de ser minimamente desafiante para ocupar a tua mente e esqueceres os teus problemas pessoais.

10. Lembra-te que o fim do namoro não é o fim da tua vida ( e sim, podes voltar encontrar a felicidade com outra pessoa): Lembra-te que lá por esta relação não ter resultado , não quer dizer que estejas destinado/a a ficar sozinho/a para sempre, infeliz e miserável. Não tenhas também atitudes do tipo " ninguém me vai voltar a magoar, não vou namorar com mais ninguém". Aceita o fim da relação e pensa que , secalhar, não estavas destinado/a a ficar com essa pessoa, porque mereces alguém melhor. Acredita, tu podes voltar a ser feliz e encontrar o amor com outra pessoa. Não feches o teu coração, deixa o amor voltar entrar na tua vida ( mas nada de pressas).


Espero que estas dicas tenham ajudado as pessoas que estejam a passar por uma fase assim ( e espero também que tenham ajudado o meu leitor anónimo, obrigada pela sugestão).

Quais são os vossos conselhos para ultrapassar o fim de um namoro?

20 comentários:

  1. Não há muito tempo passei por um fim de namoro que ainda não ultrapassei a 100%, mas que para lá caminho. Fiz muitas das coisas que mencionaste, mas algumas não pude fazer, como por exemplo cortar totalmente relações com essa pessoa, porque somos da mesma turma e supostamente continuamos a ser amigos, o que acaba por ser sempre um pouco difícil. É óbvio que teria sido muito mais fácil se pudesse ter cortado relações com ele amigavelmente, ou pelo menos vê-lo menos vezes, mas com o tempo habituá-mo-nos a aceitar a situação e a seguir em frente na mesma. Sei que pode parecer um cliché, mas o tempo realmente cura.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, realmente é bastante difícil quando tens que ver essa pessoa todos os dias... Mas espero que consigas ultrapassar isso :).

      Eliminar
  2. Penso que para quem nunca esteve numa relação e escreveu estes conselhos com base nas observações, estiveste muito bem. Parabéns pelas dicas. Concordo com alguns aspetos, mas de resto penso que qualquer pessoa que esteja a passar por essa fase e leia isto, se sentirá mais apta para seguir em frente.
    Beijinhos.

    avidadelyne.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Não concordo com alguns pontos mas, no geral, deste bons conselhos (sobretudo para alguém que nunca passou por isso e que se limitou à observação) :)

    ResponderEliminar
  4. gostei, embora não concorde 100% com tudo :)

    ResponderEliminar
  5. Não entendo de todo a 3... Não podes deixar de namorar com a pessoa e ser amiga dela? Tudo é relativo, depende do porquê de terem acabado etc mas acho que a atitude da 3 é um bocado infantil :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como já disse, isto são apenas dicas minhas, na minha perspetiva :) .Obviamente que existem muitas pessoas que acabam uma relação e continuam a ser amigas. Não existe um caminho exato para ultrapassar o fim de um namoro.
      No entanto, na minha opinião, é um bocado difícil esquecer uma pessoa se a tivermos que a continuar a ver todos os dias, mas isto é apenas a meu ver.

      Eliminar
  6. Muito obrigada pelos teus conselhos, tinha a certeza que me irias ajudar.

    A.

    ResponderEliminar
  7. É preciso mudar isso.
    Queres namorar comigo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah, adorei a atitude xD.
      Não te conheço, mas se me convidares para sair eu penso no assunto xD.

      Eliminar
    2. Obrigado.
      Onde e quando queres? XP

      Eliminar
    3. Surpreende-me xD. Saímos no dia dos namorados, para eu não o passar sozinha outra vez xD.

      Eliminar
    4. Ainda falta imenso tempo! ='(
      Eu gosto de surpreender mas estou indeciso. Preferes um beijo na Torre Eiffel ou numa gôndola em Veneza?

      Eliminar
    5. Entretem-te a ler o meu blog enquanto esperas.
      Amigo, vai com calma xD. Mas caso possas pagar, jantamos num restaurante com vista para a Torre Eiffel.

      Eliminar