!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

21.9.16

5 situações em que não deves dizer a verdade


Sou a favor que devemos ser honestos sempre que possível, e que dizer a verdade, apesar de doer, é melhor do que mentiras. Mas há certas situações em dizer a verdade só vai prejudicar, quer a nós mesmos, quer aos que nos rodeiam.

Num mundo cada vez mais online , em que as pessoas expõem-se mais do que o que deviam, e em que a noção de privacidade se está a perder, é importante saber as situações em que falar demais ou contar a verdade não é benéfico.

Já tinha feito um post sobre as situações em que se deve manter o silêncio, mas hoje vou falar de situações em que se pode falar evidentemente, mas não se deve dizer a verdade.


1.  Estás a procura de um novo emprego: Quando estás à procura de um novo emprego, não é algo que deva ser abordado com os teus colegas ou chefe. Sobretudo, porque ainda não sabes se consegues mesmo o emprego que queres, e de certo que não queres ser posta de parte pelos teus colegas e chefe em futuras tarefas e projetos. O melhor é esperares para saberes se conseguiste a vaga ou não, e depois dar a notícia às pessoas do teu trabalho calmamente, num ambiente apropriado e no momento certo.

2. O teu amigo/a está a trair o namorado/a:  Como se costuma dizer " Entre marido e mulher não se mete a colher". Bem, mesmo que não sejam casados, não te metas no meio de relações amorosas.  Seja o teu amigo a trair alguém ou, pior, o teu amigo esteja a trair uma pessoa que também é tua amiga, simplesmente não te metas. É uma situação desconfortável, eu sei, e um dilema horrível saber se devemos contar ou não, mas mais vale guardares segredo e não te meteres na vida amorosa de ninguém.

3. Odeias o novo namorado/a de um familiar teu: Todos nós já fomos a jantares de família em que um elemento apresentou um novo namorado/a , e sabemos como é mau quando não gostamos dessa pessoa. E ainda é pior quando sabemos que esse relacionamento vai ser para durar, e vamos ter que aturar o "novo elemento da família" em todos os eventos familiares futuros. Contudo, lá porque não gostas do namorado/a de um familiar teu, não quer dizer que tenhas o direito de lhe contar isso. Afinal, é ele que está num relacionamento e não tu, portanto não vale a pena aborrecê-lo com isso. A única coisa que podes fazer é tentar respeitar o companheiro/a dele de todas as vezes que te cruzares com essa pessoa.

4. Quando vês um aluno/a a copiar num teste: Infelizmente, não há nenhum manual de sobrevivência para a escola mas, se este existisse, a regra " não chibar" seria a primeira da lista. Só deves " chibar" em casos muito graves, como uma agressão ou algum roubo. De resto, podes esquecer. Por muito que gostes de ser honesto/a e estar na "boa graça" dos professores, se vires alguém a copiar num teste, não denuncies, porque além disso ser " o pão nosso de cada dia", muito provavelmente mais 10 pessoas estão a copiar para além da que tu viste ( e depois não seria justo para aqueles que não foram apanhados). Além disso, que atire a primeira pedra quem nunca copiou num teste, nem que fosse só para confirmar respostas.

5. Se já fizeste algo um pouco ilegal: Por muito que aches inocente roubar um doce de uma loja quando eras crianças ou fumar algo ilícito quando eras adolescente, há sempre alguém que vai achar o contrário, principalmente em meio profissional. Guarda esses detalhes para ti, não é algo de que te devas orgulhar e, muito menos, espalhar por aí, porque nem todas as pessoas vão guardar segredo.


E vocês? Quais são as situações em que acham que não se deve dizer a verdade?


31 comentários:

  1. Não se deve dizer tudo a ninguém. Uma mentira assim de vez em quando não faz mal a ninguém, e for para te protegeres em alguma ocasião. Só na parte da traição é que não concordo. Acho que se deve avisar a pessoa, pelo menos era assim que gostava que procedessem comigo.
    Beijinho* Confissões de uma Pecadora by Valentina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, às vezes temos que mentir para nos proteger.
      O problema é que muitas vezes a pessoa está tão apaixonada que não vai acreditar em ti, e ainda te metes em sarilhos.

      Eliminar
  2. Se tivesses a ser traída e uma amiga tua soubesse, não ias gostar que ela te contasse? É uma situação difícil, dependendo da situação em que te encontras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto da traição é uma situação complicada. Principalmente quando os dois são teus amigos. E mesmo que não seja nessa situação, devasta completamente outra pessoa, portanto acho que na dúvida mais vale não nos metermos nos assuntos amorosos dos outros.

      Eliminar
  3. Já vive o ponto 2 e não foi nada bom... Por um lado sentia que devia contar, por outro sabia que não ia acreditar e que ia acabar por perder um amigo.
    http://pausanoestudo.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Graças a Deus não vivi essa situação, mas imagino que tenha sido muito complicado para ti.

      Eliminar
  4. Concordo com quatro situações. Não concordo com a segunda, ou acho que não concordo de todo. Se o meu namorado me tivesse a trair, eu gostaria que alguém me disse-se.
    Foi um bom post, parabéns! ;)

    http://recomecar-mariana.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A questão é, será que tu acreditarias, ou acharias que os outros é que tinham inveja do vosso relacionamento?
      Muito obrigada :).

      Eliminar
  5. Essa do amigo que está a trair o namorado, faz-me confusão. Eu acho que podia alerta-lo do quão errado a situação é, mas se ele não me ouvisse eu também não iria puxar mais o assunto.

    Chihiro,
    amelhoramigadototoro.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma situação complicada. Eu, sinceramente, preferia-me não meter do que acabarem por me cair em cima.

      Eliminar
  6. A situação de que falas no 2º ponto é tão má que, honestamente, não saberia como reagir. É mesmo daquelas coisas que dá vontade de contar mas não conseguimos porque é algo que vai devastar a outra pessoa.

    Marli, do My Own Anatomy ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dá mesmo vontade de contar mas acho que, por vezes, é melhor não o fazer.

      Eliminar
  7. concordo com todos os pontos menos com o 2º. acho que até se fizeram vídeos a testar a reação das pessoas quando viam o marido a trair a mulher e acho que nestes casos devemos sempre contar à pessoa, pelo menos, se fosse eu, gostava que mo fizessem.
    beijinhos, Noelle :) https://supergirlinconverse.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei se é benéfico contar em todos os casos. Nem todas as pessoas reagem da mesma maneira, e algumas podem achar que quem denuncia uma traição quer é criar conflitos.

      Eliminar
  8. Concordo com todas as situações, nem sempre se deve dizer a verdade!

    Beijocas, Hellen
    http://instantesimprovaveis.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. são situações para manter a boca fechada realmente... eu já disse a uma amiga que estava a ser traida e quem levou nas orelhas fui eu e não o gajo --

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lamento que tenhas passado por essa situação, sobretudo porque a intenção era boa, mas é a prova de que nem toda a gente reage da mesma maneira a uma coisa destas e, portanto, o melhor é não nos metermos.

      Eliminar
  10. Eu prezo mesmo muito a verdade. Então quando envolve traições sou a favor de que se deva dizer; não à pessoa traída, mas incentivar o traidor(a) a assumi-lo.
    Eu já fui a traída e é péssimo saber que aquela que considerava amiga sabia-o e eu andava feita otária...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que, muitas vezes, o que traiu não quer admitir, e não adianta a pressão que se lhe faz.
      Lamento muito que tenhas sofrido uma traição.

      Eliminar
  11. Pessoalmente não vejo problema nenhum em comentar com um familiar que não gostamos do seu parceiro. Não se trata de ter ou não direito de julgar, é uma partilha de opinião. Mas compreendo que seja bastante desconfortável e, em alguns casos, criar conflito. Com traições é terrível. Penso sempre que não seria capaz de esconder a verdade de um amigo, mas na realidade, não sei se era bem assim. Quanto ao emprego, concordo completamente!

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É assim, também depende do quão próximo és desse familiar. Se sempre tiveram uma comunicação aberta, então não deve haver problema. Mas, pessoalmente, é algo em que não costumo meter-me. Se uma pessoa escolheu outra como namorado/a, é porque à partida gosta dela, portanto, mesmo que eu não goste dele/a, não posso ir contra isso.

      Eliminar
  12. Há que saber como e quando mentir,por vezes a melhor solução é, realmente, sorrir e acenar. Na minha opinião, mentir é necessário de vez em quando e não é necessariamente um ato criminoso feito com as piores das intenções. Quem nunca mentiu para proteger uma amigo?

    myblogtwtme.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que todos nós já mentimos pelo menos uma vez para proteger um amigo.

      Eliminar
  13. Olá Cherry! Tudo bem?
    Gostei muito do post e achei bastante original! Concordo com todas as situações, menos com a segunda.
    Beijinhos

    O Planeta da Inês

    ResponderEliminar
  14. O ponto 3 está tão presente agora na minha vida! Embora não desgoste por completo da pessoa, também não sinto que seja para simpatizar. Mas é a vida, fazer o quê?

    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, só tens que respeitá-la, é o minímo que podes fazer, não precisas de ser muito simpática para essa pessoa.

      Eliminar
    2. Respeito haverá sempre! O problema é que é aquele tipo de pessoa que num momento adoras e no outro tens vontade de andar à chapada. XD é bastante complicado! Mas enfim, com o tempo talvez me habitue!

      Eliminar
    3. Pois, isso então é complicado ter que aturar uma pessoa assim.

      Eliminar
  15. Em todas essas situações, acho que depende muito da relação que tens com as pessoas. Há chefes e chefes, alguns levam a mal que um bom trabalhador se queira ir embora, outros tentam fazer tudo para que ele fique, outros ainda compreendem e se calhar até ajudam na procura de outro sítio, porque sabem que é o melhor para a pessoa em questão. A mesma coisa é válida para todos os outros pontos. O truque (e a parte mais complicada, na realidade) é conheceres as pessoas com quem tens de lidar. Em alguns casos, o melhor é estar calado, claro. Mas também existem muitos outros em que o melhor é falar. No fundo, passa tudo por saber lidar com pessoss diferentes :) E a diversidade é uma coisa tão bonita!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, isso também é verdade, depende de pessoas para pessoas. Na questão do emprego, acho que é melhor não dizer enquanto não se tiver a certeza de que, de facto, vamos mudar de emprego. Quanto ao resto claro que depende de pessoa para pessoa. O problema é como tu dizes, o difícil é conhecer as pessoas. Por vezes, achamos que a pessoa vai lidar bem com a situação, e acaba por não lidar. Às vezes, o melhor é ficar calado.

      Eliminar