!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

sábado, 13 de agosto de 2016

Como ser feliz no meio da confusão que é a tua vida


De momento, a minha vida está um caos. Estou a atravessar uma situação familiar complicada, com os meus avós maternos doentes, logo a minha família toda (incluindo eu) está bastante stressada, ainda não sei se gosto mesmo do curso em que estou... No entanto, ainda consigo arranjar maneira de ser feliz no meio desta confusão toda porque, já diz um pensamento inglês, temos de ser capazes de dançar no meio da chuva ou, se preferirem, temos que valorizar mais a viagem e não o destino.

É exatamente isso que tenho tentado fazer. Ser feliz no meio da confusão que é a minha vida. E é o que todos nós devíamos tentar fazer, porque a vida nunca nos correrá sempre às mil maravilhas, existirão sempre muitos obstáculos, problemas e dramas. Não podemos esperar para resolver toda esta confusão para sermos felizes, porque nessa altura ( se é que essa altura chega mesmo) será tarde de mais.

Nunca controlaremos tudo na vida, nem tudo será organizado, por mais que tentemos. Por isso, é melhor aprender desde o início a lidar com essas imperfeições, a conviver com estas, e a ser feliz em todo o processo. E é exatamente disso que eu vou falar hoje.


1. Pára de pensar que tens todas as respostas: Não tens nem nunca as terás a todas. O mais importante é seguires o teu coração, ele já sabe qual é o teu caminho, mesmo que tu ainda não saibas.

2. Pára te massacrar com o que aconteceu no passado ou nos erros que cometeste: Já não podes alterar o teu passado, recorda apenas os bons momentos e aprende com os erros.

3. Perdoa-te a ti mesmo/a: As pessoas costumam ter mais facilidade em perdoar os outros do que perdoarem-se a elas próprias. Mas nós também precisamos de perdão. Perdoa-te a ti próprio/a e segue em frente.

4. Elimina o conceito de embaraço da tua vida: Pára de estar embaraçado/a por tudo e por nada. O que é que interessa o que os outros pensam? Há algum motivo para embaraço? Claro que não. Faz o que tens de fazer.

5. Sê ambicioso/ e motivado/a para aquilo que TU queres: e não para aquilo que os outros querem de ti.

6. Desiste de agradar sempre aos outros: Nem Jesus conseguiu agradar a todos.

7. Ri de ti próprio/a: Não te leves demasiado a sério, e goza contigo mesmo/a quando fazes algo errado ou engraçado.

8. Espera o inesperado: A vida dá muitas voltas, e nem tudo corre como nós planeamos.

9. Não tenhas demasiadas expectativas: Quantas mais expectativas tiveres, mais desiludido/a podes ficar.

10. Mas aceita a desilusão: Há sempre expetativas que não conseguimos evitar fazer e, quando não acontecem, não dá para evitar a desilusão. Aceita-a como parte da tua vida e segue em frente.

11. Para de fazer desculpas que te impedem de ser feliz: A felicidade não é algo que se procura, é algo que já está dentro de nós, e nós temos que trabalhá-la. Para de achar que só vais ser feliz se fores muito rico/a ou tiveres isto e aquilo.

12. Escolhe ver o melhor que há em ti: Valoriza os teus talentos, as tuas qualidades, tudo o que há melhor em ti.

13. Escolhe ver o melhor nos outras pessoas: Todas as pessoas, por mais más que sejam, têm as suas qualidades.

14. Mas não coloques demasiadas expetativas nelas: As pessoas normalmente desiludem os outros, é assim que todos nós somos.

15. Sê divertido/a e ri bastante:  Aproveita todos os momentos que forem apropriados para sorrir, rir, fazer palhaçadas e divertires-te bastante.

16. Olha para aquilo que já conquistaste e não para aquilo que já perdeste: Pensa em todas as batalhas que já venceste, em tudo aquilo que já conquistaste e nos sonhos que já realizaste.

17. Nunca tenhas medo de parecer vulnerável ou fraco/a: Todos nós temos um lado mais vulnerável, e ser vulnerável às vezes é bom, é sinal que somos sensíveis a determinados assuntos e que nos importamos.

18. Compreende que um coração partido pode curar: O tempo cura tudo ( ou quase tudo, podemos ficar com cicatrizes, mas cicatrizes com as quais podemos viver). É um cliché, mas é verdade.

19. Por muito má que a tua situação seja, há sempre maneira de dar-lhe a volta: Só tens que ter calma e paciência, e encontrar a solução.

20. É tudo uma questão de perspetiva: Todos os acontecimentos da tua vida podem ser encarados de duas maneiras. De forma positiva ou negativa. Não podemos mudar certos acontecimentos, mas podemos escolher a maneira como os encaramos.
 photo assinatura_zpsrhqg6p3f.png

22 comentários:

  1. Espero que os teus avós estejam a melhorar ou pelo menos que aproveites bem o tempo com eles.
    As dicas são sem dúvida as maisnindicadas, contudo, chegam a roçar o ideal. A meu ver, é muito complicado ter tudo isto em mente 24/7. Todavi, sem dúvida que ajuda a controlar as coisas más e sobressair as boas.
    Tenho muito essa mania de achar que devo saber as respostas todas e de que não posso falhar. Sempre fui muito exigente comigo mesma e isso não pode ser sequer proveitoso. Ultimamente, tenho tentado mudar issi em mim: todos os dias tento ver as coisas boas que há em mim e elogiar-me pelos sucessos que atingi. Cada vez tenho menos vergonha do que faço e ligo menos ao que os outros acham. Não tenho medo de chorar nem de me mostrar em baixo. É humano.
    Quato aos outros, não consigo parar de confiar e depositar toda a minha fé neles. Já sabes o que me aconteceu no passado, mesmo assim, deposito 100% de confiança nas pessoas. Desiludem-me uma vez e perdoo-as. Desiludem-me duas e apenas retiro a minha confiança, mantendo toda a cordialidade e simpatia. Acho que não vale a pena perder tempo a "condenar" as pessoas.
    Aprendi com uma blogger incrível que segue um estilo de vida super bonito, a Joana Limão, que o melhor exercício da Felicidade é SORRIR. Por isso, por má que tenha sido a noite ou o dia anterior, obrigo-me sempre a sorrir, porque um é obrigado, o segundo já vem naturalmente!
    Adorei este post.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo apoio :). Sim, estou a tentar aproveitar o máximo de tempo que tenho com eles, porque eles não vão melhorar.
      Eu sei que são difíceis de cumprir a 100 %, eu própria tenho dificuldades em cumpri-Las a todas mas podes, por exemplo, ler esta lista todos os dias, e isso será uma grande ajuda :).
      Eu também sou super exigente comigo mesma,mas ultimamente tenho-me mentalizado que tenho que me esforçar ao máximo, mas erra é humano.
      Por causa dé ter sofrido bullying, tenho dificuldade em entregar-me às pessoas. Só quando confio mesmo na pessoa é que o faço. E se essa pessoa quebrar a minha confiança, eu perdoo-a, mas não volto a confiar nela.

      Eliminar
    2. Compreendo bem o que estás a passar com os teus vovós e gostava de poder ajudar-te mais... :(
      Vou sem dúvida ler estas dicas diariamente, porque são muito boas e o mundo seria mais feliz se todos seguissem isto.
      É engraçado, foi por causa do bullying que me comecei a entregar mais às pessoas e não aprendi a minha lição: uma pessoa que me parecia boa tinha logo toda a minha confiança. Agora sou mais selectiva, mas continuo a entregar-me rápido demais.

      Eliminar
    3. Acredita, ler as tuas palavras já me ajuda muito. Obrigada :).
      Eu tenho mais cuidado, já não me entrego tão facilmente, o que às vezes é um defeito.

      Eliminar
  2. Falar é mais fácil. Quem me dera ser assim, mas às vezes é complicado fugir à nossa natureza, porém tens razão em tudo o que disseste. Beijinhos

    A Desorientada: http://mariana-a-desorientada.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sei que é difícil, mas não é impossível. Há coisas que não podemos mudar na nossa personalidade, mas outras podemos. Eu ao longo dos anos, graças à minha força de vontade, já mudei muitas coisas más que eu tinha, e sem duvida que já não sou a mesma pessoa que era há alguns anos.

      Eliminar
  3. sim, e tenho imensas saudades do ballet, quero muito voltar :) podes fazer xixi quando queres ahah, mas quando estás em palco não convém! :D gostavas de saber mais sobre a minha experiência no ballet e na dança? :)
    beijinhos :p

    ResponderEliminar
  4. Palavras perfeitas para qualquer pessoa, a qualquer momento, principalmente numa semana, num dia, ou apenas numas horas menos boas da via. Para aquelas que, frequentemente, têm de ser relembradas que vidas, só têm uma, e tem de vivida à grande. Para aquelas, como eu, neste preciso momento, nesta fase da minha vida. Obrigada pelos segundos de leitura que definitivamenente acabaram de alterar ligeiramente a forma como este dia vai terminar ;) Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. boa sorte para tudo o que estás a passar, eu também estou a lidar com muitas indecisões e não sei se gosto do curso (o mesmo que o teu xp) e as dicas são muito interessantes, o problema é conseguir pô-las em prática e ignorar a nossa natureza de olhar para o futuro.
    fiz um post há pouco tempo no meu blog chamado "carpe diem ou não carpe diem: eis a questão" que fala precisamente sobre isso, o facto de nós seres humanos não conseguirmos viver o momento porque não conseguimos abstrair-nos do nosso passado nem do nosso futuro :/
    beijinhos, Noelle :) http://supergirlinconverse.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, igualmente linda :). Pois é, é difícil, mas nós vamos dar o nosso melhor.
      Tenho que ler então :).

      Eliminar
  6. UAU! Que belo post!
    No entanto, aquele número 13 é-me o mais difícil de concretizar, nas pessoas más!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :).
      Lá isso é verdade, há pessoas que parece que só têm coisas más, mas ainda assim têm sempre algo bom, é difícil é de ver.

      Eliminar
  7. Gostei mesmo muito deste post. Por vezes, a vida prega-nos partidas e parece tudo tão complicado... mas com o tempo aprendemos que isso faz parte e tornamo-nos capazes de superar o que pensávamos ser insuperável. Somos todos bem mais fortes do que imaginamos. Que as coisas boas superem sempre as menos boas! Beijinho e muita força, tudo se encaminhará :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :).
      Lá isso é verdade, já superei coisas que nunca imaginei superar.

      Eliminar
  8. Obrigada por isto! E espero que tudo melhore para ti :)

    ResponderEliminar
  9. Espero que a tua situação familiar melhore!
    O ponto 11 tocou-me bastante! Nunca fez tanto sentido definir a felicidade dessa forma!

    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar